O que mais preocupa não é nem o grito dos violentos, dos corruptos, dos desonestos, dos sem-caráter, dos sem-ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons” Luther King

SIMPLES ASSIM.

Minha foto
"O segredo não é correr atrás das borboletas, é cuidar do jardim para que elas venham até você." Admiro e não tenho vergonha de dizer que sigo as pessoas boas e dignas, copio bons exemplos e transformo em experiências positivas. sou complicada e simples, vivo as contradições, vivo simplismente como Deus quer, isso já me basta, pois assim tenho tudo que preciso para ser feliz.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

A CAÇA AS BRUXAS

Entre os séculos XV à XVII, aconteciam perseguições as religiões tidas pagãs e matriarcais, essas religiões era tidas como satânicas, esse fato deu-se principalmente na Alemanha, Suíça e Inglaterra. Num sentido mais amplo, a expressão "caça-às-bruxas" costuma ser utilizada em diversas outras ocasiões. Como exemplo temos que, durante a guerra fria, os EUA perseguiam toda e qualquer pessoa que julgassem ser comunista, seja por causa fundamentada ou não.


PORQUE FALO SOBRE ISSO NESSE MOMENTO DE ELEIÇÕES PARA PRESIDENTE NO BRASIL?

Simple, para alertar as pessoas sobre os absurdos que estão sendo divulgados pelas igrejas sobre a posição de Deus e do Demonio nessa eleição.
Minha opinião é livre de qualquer posição religiosa que eu tenha, minha fé é em Deus e só nele creio. Me assuta o fato de alguns se acharem portadores da verdade absoluta, parece o inicio de uma nova caçada as bruxas, porém os atores principais agoram são os que no passado fizeram a reforma, será que vamos ter uma nova revolução cristão, será que o Brasil vai criar a nova ordem mundial?
Tudo que a igreja fez na epóca da inquisição e da caça as bruxas, foi perseguir quem fosse contra sua ordem, suas crenças seus ensinamentos, atualmente as igrejas evangélicas induzem seus fiéis a uma verdade imposta e surreal. Soube de casos onde o pastor de uma congregação parou o culto para passar um video sobre uma candidata, afirmando que ela é a besta ferra. Que absurdo, fazem um julgamento baseado em que?
A Biblia é o livro do cristianismo, ele deve ser lido e entendido por cada um, não ouvido através da boca de alguém que tem seus pensamentos, culturas e opiniões próprias.
DEUS disse: Dê a César o que é de César, Ele jamais se envolvel na politica, Deus pregou o amor ao próximo e a paz.
Esse caminho é perigoso senhores, a religião deve pregar ética e responsabilidade, não deve ser usada para o bem de um grupo, nem para impor o que acreditam.
Antes que algum radiacal venha me julgar dizendo que eu sou prtadora da palavra do mau, vou avisando, eu tenho Deus como meu único juiz, só ele pode me julgar. Minha opinião foi dada, não julgo ninguém pelo que acreditam, mas peço que tenham cuidado, para não serem usados de forma errada.

Flávia Leite

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

FAÇA VALER A PENA

 A vida é cheia de oportunidades, as pessoas só precisam entender como Deus trabalha.


INTERESSANTE

NOVA LEI DO ESTUPRO – A MULHER AGORA TAMBÉM PODE SER A PRATICANTE.



“A tradição secular vivenciada desde 1940 em que somente podia o homem ser a pessoa ativa e a mulher a pessoa passiva no crime de estupro ganhou nova roupagem e hoje também o homem pode ser o sujeito passivo e até a mulher pode também ser o sujeito ativo em tal delito.”
Revirando a internet em um dia em que nada me chamava muita atenção, encontrei essa novidade no site “algosobre vestibular”. Me chamou muita atenção, pois fiquei imaginado como seria caracterizado um ato de estupro de uma mulher em um homem. O crime de estupro outrora definido no nosso Diploma Legal estabelecia no conteúdo do seu art. 213: “Constranger mulher à conjunção carnal, mediante violência ou grave ameaça.”
(trecho do texto no site: algosobre vestibular)

Achei isso bem interessante e resolvi explanar aqui minha idéia do que seria isso.
Como as nossas leis sempre deixam brechas para advogados espertos ganharem tudo o que querem, vamos analisar. Uma mulher que denunciar um homem por estupro pode passar em um piscar de olhos de vitima para agressora se o homem tiver um bom advogado que mude os fatos ao que é interessante a ele. Não desprezem essa hipótese, pois não sabem que em alguns casos as vitimas são acusadas de provocar tal situação. Isso mesmo diariamente assistimos casos de estupro onde ouvimos tristes e lamentáveis comentários como: essas mulheres também provocam ou ficam dando sopa por ai. Infelizmente é a realidade. Culturalmente em alguns países as mulheres já são descaradamente uso fruto de homens, sem qualquer escolha.
Apesar de tudo, não desprezo completamente a nova lei, mas acredito que quando for usada, deve-se ter muita cautela, para não cometer ainda mais injustiças contra as mulheres.

Flavia Leite